Planalto congela emendas de Bolsonaro

08/04/2019 – 07:42
Alegando contingenciamento de recursos, o governo Jair Bolsonaro anulou mais da metade dos empenhos de gastos indicados por deputados e senadores, medida que atinge as indicações do próprio presidente. O chefe do Planalto havia sido o maior beneficiado pelas liberações, com 30% do valor total autorizado até o início deste mês. No dia 29 de março, Bolsonaro editou um decreto congelando R$ 29,5 bilhões do Orçamento para cumprir a meta fiscal do governo. Os relatos foram publicados no jornal O Estado de S.Paulo.

leia mais Brasil 247 …

Please follow and like us:

Link permanente para este artigo: https://brasildemocratico.net/site/planalto-congela-emendas-de-bolsonaro/