O que as pesquisas de 1964 mostram sobre apoio popular e golpe

divulgação

07/04/2019 – 11:58
Não é possível afirmar que os “brasileiros exigiam a ação das Forças Armadas”. Em São Paulo, 42% avaliavam positivamente o Governo Jango.

Na semana que passou, o golpe militar que deu origem a um regime autoritário no Brasil completou 55 anos. O acontecimento histórico virou tema de intenso debate e discussão na imprensa e nas redes sociais. O presidente Jair Bolsonaro recomendou que o golpe fosse comemorado. O chanceler Ernesto Araújo, em audiência no Congresso, disse que não considerava os eventos de março de 1964 um golpe e que eles foram necessários para evitar que o Brasil se transformasse em uma ditadura (?!).

O ministro da Educação, Vélez Rodríguez, foi além e afirmou ao jornal Valor Econômico que a “história brasileira mostra que o 31 de março de 1964 foi uma decisão soberana da sociedade brasileira” e que o regime autoritário foi “um regime democrático de força”. Por fim, disse que os livros didáticos devem ser progressivamente alterados para que as crianças conheçam a verdadeira história do Brasil.

leia mais El País …

divulgação

Please follow and like us:

Link permanente para este artigo: https://brasildemocratico.net/site/o-que-as-pesquisas-de-1964-mostram-sobre-apoio-popular-e-golpe/